domingo, 30 de março de 2014

Poema

Li-te o poema em voz alta
nomeei nas palavras
a dor do meu desejo
derramei o perfume floral
quente húmido em sangue
gritei em silêncio
os gemidos do nosso corpo

ainda intacto...

Ana Negrão Ferreira
Divagações Nocturnas